Prefeito recebe balanço das medidas de prevenção ao COVID-19


13 de janeiro de 2021 - 18:09 | Imprimir

O prefeito Marcelo Belitardo se reuniu com profissionais da Saúde, na Secretaria de Saúde para reavaliar as medidas tomada para conter o avanço da COVID-19 no munícipio. Durante a reunião, foi apresentado o relatório das ações dos serviços de Saúde em relação à COVID-19. Entre os pontos expostos, esteve em evidência a curva de ocorrência dos casos na cidade e o comportamento da população em relação às medidas de distanciamento ainda vigentes.

Segundo Rosidalva Barreto, responsável pela Vigilância Epidemiológica em 2020 no nosso município e agora Diretora de Vigilância em Saúde, apesar da aparente estabilidade no aparecimento de novos casos, os números tem voltado a crescer. O primeiro caso confirmado da COVID-19 em Teixeira de Freitas aconteceu em 23 de março de 2020 e, desde de então, houve diversas orientações e decretos emitidos pelos governos Federal, Estadual e Municipal, a fim de conter o avanço da doença. No entanto, segundo o que foi apresentado, é a negligência no uso da máscara e o abandono das medidas de distanciamento que tem elevado os números.

“Dentro do que foi registrado, nós temos 5,9% da população como casos confirmados, mas sabemos que a subnotificação é grande, então estimamos um número bem maior de casos e consequentemente de óbitos. Apesar de termos o nível de letalidade da doença em nossa cidade em 1,3%, temos observado o aumento de casos graves que chegam ao hospital. Intuímos que as pessoas tenham perdido o medo da doença, deixando para procurar o hospital apenas em casos de agravamento do quadro de saúde, o que é perigoso e compromete a nossa capacidade de atendimento”, pontuou Rosidalva.

Para que os números não continuem crescendo, algumas recomendações foram repassadas ao prefeito Marcelo Belitardo, e acolhidas, em relação às práticas previstas em decretos e protocolos que precisam ser reforçados, segundo a Vigilância. “Penso que as práticas devam ser reforçadas com equilíbrio, tendo em mente as necessidades econômicas e de saúde. Devemos manter as medidas preventivas de distanciamento e sanitização necessárias, para que possamos afrouxa-las o quanto antes. Para isso, intensificaremos as orientações para a população em relação ao uso da máscara e endureceremos a fiscalização de bares, restaurantes e comércio em relação às medidas previstas nos decretos”, concluiu o Prefeito.

Também participaram da reunião a Secretaria de Saúde, Cristiane de Almeida, a nova responsável pela Vigilância Epidemiológica, Nereide Lisboa, e o Chefe da Vigilância Sanitária, Elisnak Miranda. O encontro aconteceu na manhã desta última terça-feira (12).