Atendimento da UTI Aérea mostra crescimento significativo

  Teixeira de Freitas - Bahia | 4 de julho de 2016 - 10:30 |   Imprimir

Untitled-1

Você sabia que até 2012, o SUS havia custeado apenas 03 atendimentos aéreos na Unidade Intensiva e que em menos de quatro anos esse número subiu para 64 entre pacientes da UMMI e do Hospital Municipal de Teixeira de Freitas? É isso mesmo, cresceu mais de 2000%, o que significa que muitas vidas foram salvas.
A distância de centros médicos especializados pode se tornar um fator de risco para um paciente. Por isso, agilidade e atendimento clínico de última geração a bordo fazem toda diferença quando a missão é salvar vidas, o que permite realizar a remoção de pacientes com rapidez.

ACESSO RÁPIDO
FACEBOOK